casa

quando passo em frente
daquele terreno
com a casa destruída
e as marcas
que restaram na parede
dos azulejos e degraus
tento desenhar com linhas
a casa que existia

me imagino ali
com alguém
me trazendo uma
xícara de café
me dando um
beijo na testa
ou qualquer gesto
de ternura

porque é disso
que eu preciso
uma casa construída
com linhas
e um pouco de ternura

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s